18 setembro, 2009

L'Shaná Tová Umetuká Tikatevu Vechatimá Tová!

Aniversário do Universo e Dia do Julgamento

O que comemora-se:

Rosh Hashaná, considerado o aniversário do Universo, é na realidade o sexto dia da Criação, quando D’us criou o primeiro homem, Adam – o propósito de toda Criação. O primeiro ato de Adam foi proclamar D’us como Rei do Universo. Por este motivo, a cada Rosh Hashaná coroamos o Todo-Poderoso como Regente do mundo, reafirmando nosso compromisso de serví-Lo apropriadamente. Assim como D’us completou a Criação no primeiro Rosh Hashaná, a cada Rosh Hashaná Ele reavalia a qualidade de nosso relacionamento com Ele, assumindo uma vez mais o sustento do mundo. Nisto se constitui o julgamento de Rosh Hashaná.

Comemora-se: Dia 1 de Tishrei (dia 18/Set/2009 ao pôr-do-sol)


Tishrei: Tishrei ou Tishri (em hebraico 'תִּשְׁרִי ou תִּשְׁרֵי do acadiano tašrtu "início", de šurrû "iniciar") é o primeiro mês do Calendário Judaíco Rabínico, sendo um mês lunar de 30 dias. Inicia-se no outono do hemisfério norte .

Duração:
2 dias (inicia-se antes do pôr-do-sol da véspera e termina ao completo anoitecer do 2º dia)

Velas:
As velas são acesas na véspera, ao pôr-do-sol do primeiro e do segundo dia com a bênção apropriada da festa.

Kidush:
Ao retornar da sinagoga, após as preces de Arvit, recita-se o kidush da noite de Rosh Hashaná e ao retornar da sinagoga, após as preces da manhã e Mussaf (Prece Adicional) recita-se o kidush do dia de Rosh Hashaná, ambos sobre uma taça repleta de vinho.

Costumes

Tsedacá

Deve-se acrescentar doações para caridade neste dia.

Hatarat Nedarim

Costuma-se anular promessas feitas durante o ano perante um grupo composto por 10 homens. É realizada
antes
de Rosh Hashaná para que o ano novo reinicie sem conexão com qualquer falha que possa ter havido no passado.

Maçã com Mel
Na primeira noite, antes de iniciar a refeição, mergulha-se uma maçã doce no mel.

Shaná Tová
Na primeira noite de Rosh Hashaná, após a reza, é costume comprimentar as pessoas com o voto: "Possas tu ser inscrito e selado para um bom ano." / "Shaná Tová ve chatimá tová".

Chalot Redondas
Usam-se duas chalot redondas a cada refeição e é costume mergulhar cada fatia no mel antes de comer.

Tashlich
No primeiro dia de Rosh Hashaná, logo após a reza da tarde, Minchá, é costume ir até um poço ou lago onde haja peixes e recitar uma bênção especial chamada "Tashlich" ("Jogarás"). Simbolicamente jogamos nossos pecados nas profundezas do mar. A água representa a bondade e os peixes, cujos olhos nunca fecham, representam a vigilância constante de D’us sobre nós.

Fruta Nova

Na segunda noite, uma fruta da nova estação, que ainda não tenha sido provada, é saboreada logo após o kidush.

Cabeça de Peixe
Cabeça de peixe, servida durante a refeição, faz parte de um dos símbolos da festa para lembrar que devemos ser sempre "cabeça"; um exemplo a ser seguido por todos.

Tsimes

Prato composto de cenouras doces, faz parte das iguarias servidas.
Cenouras em yidish é meren, que significa acrescentar, representando o desejo de possuirmos mais méritos que falhas.

Proibições
As atividades criativas proibidas no Shabat também o são em Rosh Hashaná, com exceção de carregar num domínio público, cozinhar para as refeições do mesmo dia (se for utilizado fogo de uma chama acesa desde a véspera) e outras atividades ligadas à preparação dos alimentos.


fonte: http://chabad.org.br/ e http://pt.wikipedia.org/wiki




* Resumo de umas das comemorações mais importantes no Judaísmo. Uma cultura linda que venho aprendendo e admirando cada dia mais. Sou católico e tenho um pézinho no Judaísmo graças ao meu companheiro que é judeu e me ensina muito sobre sua crença.


Agradeço á D'US por me fazer ter um respeito e um interesse especial por esta religião.


Abaixo segue uma pequena homenagem a todos os judeus.
Este é um video que encontrei no Youtube com lindas imagens de telas referentes ao Rosh Hashaná.

Shaná Tová a todos! =)




video

Se existir guerra, que seja de travesseiros

Se existir fome, que seja de amor

Se for para esquentar, que seja do sol

Se for para enganar, que seja o estômago

Se for para chorar, que seja de alegria

Se for para perder, que seja o medo

Se for para cair, que seja na gandaia

Se for para ser feliz, que seja para sempre.

SHANÁ TOVÁ!

(Olami)

Nenhum comentário: